Dependência afetiva

Oi gente, então esse post está saindo tarde porque, hoje é feriado né, sem trabalho e eu pude finalmente acordar tarde (palmas para mim).

Bom, eu adoro falar sobre esse tipo de assunto, acho que meu blog acaba sendo de auto ajuda. Mas eu gosto muito disso, no último post eu falei uma frase que me remeteu a esse tema de hoje.

A dependência afetiva é quando a pessoa se mantém num relacionamento que de fato não a faz feliz, fazendo de tudo para agradar ao outro, independente do que isso pode gerar para si mesma.

tumblr_mdc6kmfVHq1roqvsko1_500

E sinceramente, vemos muitos relacionamentos assim. No qual um dos sujeitos se submete a coisas que ele não faria fora daquele relacionamento, simplesmente para agradar o outro, para suprir essa necessidade de ser aceito pelo outro. E claro, que essa necessidade de agradar vem da infância, uma criança que teve pais ausentes, que não ligava para suas necessidades emocionais. Gerando na criança essa necessidade de ser aceito pelos pais, se tornando muitas vezes adultos com autoestima baixíssima.

E trazendo para a atualidade, você, eu, com certeza já vimos um relacionamento assim. Onde um sempre faz tudo pelo outro, e o outro não se move para fazer o mesmo, e por mais que isso esteja óbvio para quem sofre o transtorno, ele não conseguirá sair dessa situação ou do relacionamento tão fácil, a dependência afetiva é sim uma doença, então acaba deixando a pessoa extremamente vulnerável ao abuso do outro; o abuso é mais do que agressão física ok gente?! Por exemplo: um namorado que diz não gostar da sua roupa e exige que você não a use. Se você se permitir a fazer essa vontade, isso pode se tornar um hábito, e pode acarretar essa dependência.

Para o dependente afetivo, quando o relacionamento acaba, ou só de pensar em acabar, é o fim do mundo, ele não consegue seguir em frente, ele não quer, pois aquele relacionamento é tudo que mais importa para ele.

É um problema muito grave gente, que precisa ser tratado, como eu sempre digo nos meus posts de “ajuda” haha, não se prendam a relacionamentos apenas por status, nós só devemos estar num relacionamento que nos faz feliz, estar num relacionamento e não saber se é feliz, é por que não está tão legal assim, tem algo de errado. Sempre preze a sua felicidade acima de TUDO, você deve ser feliz sozinho, e se está com alguém esse alguém deve te tornar muito mais feliz. Não se prenda ao eterno, viva o sentimento, sem a pressão absurda de que deve ser eterno, se a vida não é, imagina um relacionamento!

E se você tem alguma dúvida se sofre dessa dependência, definitivamente procure um psicólogo, ele terá exatamente o que você, que quer ajuda precisa.

Esse é o link de onde me inspirei para fazer o post: http://somostodosum.ig.com.br/conteudo/c.asp?id=04195

Dá uma lida para entender melhor sobre o assunto. Esse foi o post de hoje, espero que tenha sido bacana e que tenha sido útil de forma geral. Se quiser deixar alguma sugestão pode fazer um comentário. Até quarta-feira, bom feriado!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s